O original. O actual. A eterna classe Dior!
vogue

O original. O actual. A eterna classe Dior!

vogue

Tags: dior

happy easter

happy easter

Sportswear made in Portugal

Passou de tendência a estilo, tem um ar sempre descontraído (mas não desleixado!!) e anda de mãos dadas com as sweats, os tecidos largos e a espécie de riscas e geometrias. Continua a ser das mais perigosas tendências (precisa de muito bom senso e uma boa dose de estilo por trás… ou fashion sense!) mas o sportswear já é mais que viral.

Aqui, completamente made in Portugal, com a visão mais ou menos (!!) literal dos nossos nomes. 

as fotos: Alexandra Moura, Ricardo Preto, Fátima Lopes, Luís Buchinho, SayMyName

2

As colaborações continuam na Moda em duplo sentido. E, envolvendo aquele génio que é a Kate Moss, só poderia dar bom resultado. Para a Topshop!

Mixing Prints = Inspiração ♥♥

Há Motivos Para Acreditar 

Talvez seja É o melhor nome português. O que mais tem crescido. O que faz mais e melhor a cada temporada. O que dá motivos para acreditar naquela bonita ideia de um Portugal Mais Fashion.

A inspiração nos (meus queridos) anos 50 é (d)as melhores ideias de sempre. Entre esta e a coleção (absolutamente fabulosa) inspirada em Oscar Niemeyer torna-se tão difícil escolher.

Diogo Miranda FW 14.15

Tons pastel. tão a começar a adorá-los,

Tons pastel. tão a começar a adorá-los,

FOB

Gosto de pensar que, cada vez mais, valorizamos aquilo que é o nosso. E isso passa por reconhecer as ‘nossas’ pessoas com talento.

Inevitavelmente, falar de portugueses com talento, não poderia deixar de fora Felipe Oliveira Baptista. Numa altura em que a sua coleção foi temporariamente suspensa (é triste e estranho – normalmente, vem-se de grandes casas para a marca própria, que não têm um ‘limite de criatividade’ ou um estilo previamente definido), ir ao MUDE (que só por si é maravilhoso) é das poucas hipóteses de estar mais perto das peças homónimas de FOB.

Provavelmente, será a melhor exposição, de sempre, do Mude. Pela sua arquitetura, pelo jogo de espelhos que está para lá do espetacular, pela música, pela forma como cada peça está identificada e, sobretudo, pela história que ali é contada.

Só até 30 de Março. ♥♥

Regressos

Dizem que a Moda é cíclica. É verdade. A par de todas as ‘coisas’ novas que felizmente são introduzidas, existirão sempre as eternas inspirações – a irreverência de Coco, o new look de Christian Dior – e tudo o que volta (porque agora até os anos 2000 voltam – como é possível?!).

‘Depois’ das botas Pretty Woman, das botas-leggings que Karl Lagerlf popularizou para  Chanel e ‘depois’ dos tão viciantes botins, voltam as botas que não são altas nem são baixas, que não se foram embora há tanto tempo, e que estão de volta.

Processo de re-habituação ativado. 

as fotos: (o nosso) Miguel Vieira, Prada, Gucci, Valentino, Altuzarra. FW14.15 

SayMyName

Fluidez, só por existir fluidez numa coleção de Inverno, já ganhava! Sportswear, ou rasgos dele, com imensa classe. Estrutura, pele, padrões. E está feito!

Moda Lisboa. FW 14.15